Tragédia mata mais de 300 no Mediterrâneo: a solidariedade do Papa

Publicado em 11/02/2015 | Categoria: Notícias |


mediterraneo

No final da Audiência Geral, o Papa lançou o enésimo apelo à solidariedade depois da última tragédia com imigrantes no Mar Mediterrâneo. Uma tempestade no Canal da Sicília no último domingo matou pelo menos 300 pessoas a bordo de três embarcações. Destas, 29 migrantes morreram de frio.

 

Eis as palavras do Santo Padre:

 

“Acompanho com preocupação as notícias que chegam de Lampedusa, onde se contam mais mortos entre os imigrantes devido ao frio no decorrer da travessia do Mediterrâneo. Desejo garantir a minha oração às vítimas e encorajar novamente à solidariedade, para que a ninguém falte o necessário socorro.”

Os últimos sobreviventes chegaram na manhã desta quarta-feira ao porto de Favaloro. Segundo o relato dos imigrantes, há centenas de vítimas. A Agência das Nações Unidas para os Refugiados, Acnur, fala de 330 mortos. O mau tempo, com ondas de até nove metros, impediu o socorro imediato.

Fonte: Rádio Vaticano



Os comentários estão desativados.